Temer diz a Renan Filho que oposição do pai não afetará Alagoas

O presidente Michel Temer afirmou ao governador de Alagoas, Renan Filho (PMDB), que “separa” a relação institucional com o governante alagoano da relação com o senador Renan Calheiros (PMDB-AL).

Na conversa realizada nesta quarta (5), Temer disse ainda ao filho de Renan Calheiros que a oposição do ex-presidente do Senado não prejudicará o estado.

O presidente da República ressaltou a Renan Filho que o governador sempre foi “respeitoso e cordial” com o Executivo federal e que as críticas do pai não afetarão Alagoas.

Temer e Renan Calheiros estão em rota de colisão. Nas últimas semanas, o senador peemedebista subiu o tom e passou a disparar críticas à política econômica do governo federal.

Temer, por sua vez, montou uma operação para isolar Renan na liderança da bancada do PMDB no Senado.

O presidente vai criar um canal direto com os senadores peemedebistas. Sem Renan, Temer chamou ontem um pequeno grupo para conversar.

Nesta quinta-feira (6), o presidente vai promover uma nova rodada de conversas com peemedebistas. Está previsto um encontro à noite no Palácio do Jaburu com os senadores Moka e Simone Tebet, ambos do Mato Grosso do Sul.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *