Queda de árvore mata pelo menos 18 pessoas em catarata em Gana

Vítimas eram em sua maioria estudantes de um colégio e da Universidade de Energia e Recursos Naturais que participavam de uma excursão à região.

Pelo menos 18 pessoas morreram, a maioria estudantes, e outras 30 ficaram feridas depois que um grande árvore caiu nas populares cataratas Kintampo, no centro de Gana, durante uma tempestade, informaram nesta segunda-feira (20) os serviços de emergência locais.

O acidente ocorreu na tarde de domingo, quando o temporal fez com que várias árvores desabassem do alto das cataratas, sendo que uma delas caiu sobre um grande número de pessoas que estavam nadando.

As vítimas eram em sua maioria estudantes de um colégio e da Universidade de Energia e Recursos Naturais que participavam de uma excursão à região.

Fontes do Serviço Nacional de Bombeiros explicaram que, por enquanto, foram resgatados 18 corpos, embora esse número possa aumentar porque as equipes de resgate continuam trabalhando na área.

Além disso, 30 feridos foram transferidos aos hospitais próximos, onde alguns deles seguem recebendo assistência médica.

Algumas testemunhas relataram que os serviços de emergência tentaram resgatar as pessoas presas na catarata cortando os galhos da árvore com motosserras.

As cataratas Kintampo se encontram no rio Pumpum, na região de Brong Ahafo, cerca de 400 quilômetros ao norte da capital Acra.

g1

20/03/2017

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *