Polícia prende trio que descarregava toneladas de carne roubada em borracharia

Homens foram encontrados com quase 24 toneladas de carne roubada no bairro Recanto Maravilha, em Boituva (SP). Segundo a polícia, a suspeita é que a carne roubada seria distribuída na região.

Três homens, de 36, 39 e 42 anos, foram presos após serem flagrados descarregando uma carga de quase 24 toneladas de carne em uma borracharia, nesta segunda-feira (3), em Boituva (SP). Segundo a polícia, eles confessaram que descarregaram o caminhão e que cada um receberia R$ 100 pelo serviço.

De acordo com a Polícia Civil, o motorista havia saído de Martinópolis (SP) e seguia para São Paulo, quando foi abordado por criminosos em um posto de combustíveis perto do local da entrega no domingo (2). O proprietário do frigorífico afirma que percebeu que o caminhão saiu da rota de rastreamento e acionou a polícia.

“No satélite tem o gerenciamento de risco que constatou que o sinal do caminhão foi cortado no posto, em seguida o sinal voltou e acusou o local onde o caminhão estava escondido. O caminhão estava cheio, com quase 24 toneladas de carne e estava indo para São Paulo. É um prejuízo muito grande e não é a primeira vez que isso acontece. É complicado. Tem todo procedimento desde a compra do boi até ir para o frigorifico, e então acontece isso e deixa um prejuízo grande. Já é a terceira vez que isso acontece. Este ano já é a segunda vez. Eles rendem o motorista e levam o caminhão carregado”, conta o dono da carga, que preferiu não se identificar.

Segundo o delegado Emerson Jesus Martins, a polícia constatou que o caminhoneiro foi liberado nesta segunda-feira, em São Paulo, e não ficou ferido. Após buscas, o caminhão foi encontrado estacionado dentro de uma borracharia no bairro Recanto Maravilha.

“Pela manhã começou a investigação e além dos três que foram apreendidos no local, já conseguimos identificar o proprietário do local onde a carne estava sendo descarregada. Diante das evidências colhidas, a suspeita é que a carne seria distribuída aqui na região. Eles poderão responder por receptação, pois a carne foi objeto de roubo. Todos os envolvidos já foram identificados, temos suspeitos de alguns compradores”, afirma.

Em um vídeo gravado dentro do galpão (Veja imagens acima) é possível ver quantidade de carne que já tinha sido descarregada e que parte da instalação elétrica do painel também foi arrancada. Ainda segundo o delegado, investigações apontam que trata-se de uma quadrilha organizada.

“Eles faziam a abordagem e, em seguida, faziam a anulação do sinal do GPS para monitoramento. O importante que é que antes de comprar carne os compradores se atentem a origem da carne, pedir nota fiscal, para coibir esse tipo de caso”, afirma.

Os três suspeitos foram levados pela delegacia, onde serão ouvidos. Dois deles já tem passagens pela policia, um por tentativa de homicídio, outro por tráfico e furto. O dono da borracharia já foi identificado, mas segue foragido.

g1

03/04/2017

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *