Mulher é encontrada morta em piscina na Bahia e polícia fala em escorregão

Perícia do DPT aponta que vítima escorregou e bateu a cabeça. Tragédia aconteceu em Eunápolis, cidade no extremo sul do estado.

Uma mulher de 50 anos identificada como Adriana Pimenta foi encontrada morta na quarta-feira (8) na piscina da casa onde morava, em um condomínio de Eunápolis, cidade no extremo sul da Bahia. Segundo a polícia, a perícia feita no local aponta para a hipótese de a vítima ter escorregado na piscina e batido a cabeça.

Ainda de acordo com a polícia, a mulher foi encontrada por parentes. O departamento de Polícia Técnica (DPT) foi acionado para realizar a perícia do local e removeu o corpo até o Instituto Médico Legal (IML). A mulher era empresária, diretora da Escola Cultural, em Eunápolis.

Nesta quinta-feira (9), a escola lamentou a morte da diretora e decretou luto. As atividades dos próximos dias foram suspensas e as aulas serão retomadas apenas na segunda-feira (13). O caso foi registrado na 23ª Coordenadora da Polícia Civil (Coorpin), em Eunápolis.

g1

09/03/2017

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *