Emissoras despencam no Ibope um dia após deixarem operadoras

Alguns programas chegaram a perder metade da audiência habitual

As três emissoras que se rebelaram contra as operadoras de TV sofreram relevante queda de audiência no primeiro dia depois do sinal ser suspenso aos assinantes.

Na quarta-feira (29), a Record registrou das 7h à meia-noite média de 8.1 pontos no Ibope. No dia seguinte, sem transmitir para o cabo, caiu para 5.2 pontos.

Efeito colateral semelhante atingiu o SBT: de 6.6 pontos para 5.2 na quinta-feira. Na RedeTV! a situação foi dramática – a média 0.9 despencou para 0.3 na primeira aferição depois do corte.

Ainda que existisse expectativa de queda nos índices, algumas atrações tiveram perda de público maior do que o previsto.

O quase imbatível ‘Balanço Geral SP’ foi de 8.9 pontos de média na quarta-feira para 5.5 pontos ontem. A novela ‘O Rico e o Lázaro’ oscilou de 12.6 para 8.8, e o ‘Jornal da Record’ marcou 5.9 na quinta, ante 11 pontos no dia anterior.

O ‘SBT Brasil’ viu sua média descer de 7.4 para 4.7 pontos. Até as novelas infantis sofreram. ‘Carinha de Anjo’ e ‘Chiquititas’ saíram da casa dos 10 pontos e foram para a dos 7.

Em fase de recuperação no Ibope, o ‘Melhor Pra Você’ perdeu metade do público de um dia para o outro: de 1.2 ponto para 0.6.

O ‘A Tarde é Sua’, que costuma ser a produção mais vista da RedeTV! durante a semana, caiu de 2.3 para 1 ponto na quinta.

Enquanto isso, a Globo teve um pequeno aumento de audiência no período. Na quarta, sua média foi de 16.2 pontos. Quinta-feira chegou aos 17.3 pontos.

A continuidade de perda de audiência pode afetar o faturamento dos canais. Anunciantes começarão a exigir descontos e impor condições desfavoráveis às emissoras para renovar contratos.

E há um perigo tão grave quanto: a maioria dos telespectadores que estão sem sintonizar Record, SBT e RedeTV! pode se acostumar com a situação ao ‘descobrir’ a ampla variedade de opções oferecidas pelas operadoras.

terra

01/04/2017

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *