Chuva intensa em Jaramataia faz pecuarista tomar banho comemorando a chegada d’água

Choveu bastante na bacia leiteira de Alagoas, onde levou o pecuarista Venceslau Maia Carneiros comemorar tomando um banho de chuva em torno da casa grande de sua fazenda” Santa Clara”, Venceslau Carneiro confessa ao blog do Bernardino, que andava desesperado.

Há exatamente um ano sem chover na região de Jaramataia, onde ele cria vaca de leite estava carregando 20 mil litros de água por dia para matar a sede dos animais e mesmo assim tinha diminuído a produção. Ele chegou a se encontrar juntamente com dez fazendeiros, na terça-feira em Batalha com o governador Renan Filho (PMDB) quando contou o drama dos produtores de leite e relatou que tinha cavado dois poços que não lograram êxito.

Sensível ao drama dos pecuarista, Renan Filho garantiu que iria mandar esta semana, nesta segunda-feira (03), uma equipe da secretaria de Recursos Hídricos para cavar um poço com energia solar, onde garantia que chegaria água.

O secretário Alexandre Ayres tem obtido sucesso em várias parte de Alagoas através dessa nova tecnologia. Venceslau disse agora que é só esperar. “Estou muito feliz, com muita chuva caindo em solo de Jaramataia, onde o rio Traipu começou a transbordar e fazendo vazar pelo” pito”todas suas barragens sagrando. Só Deus mesmo para fazer isso deixando o sertanejo feliz com a chuva.”

O vice-prefeito de Major Izidoro, pecuarista Leopoldo Amaral também comemora a chegada da chuva em sua cidade.

Em Delmiro Gouveia a aparência era de pura seca, agora a caatinga de forma surpreendente regenerou-se. E o povo comemora agradecendo a Deus.

A pecuarista Valéria Arruda de Batalha comunica que no Semiárido, não tem que não se torne uma criança diante da tamanha riqueza e dádiva da natureza. Ela foi criada em sua fazenda perto do rio Ipanema, filha do pecuarista falecido Zé Miguel Dantas, sogro do fazendeiro Venceslau Carneiro.

Assista o vídeo no link:

https://www.facebook.com/bernardino.soutomaiorneto/videos/1438871609468227/

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *