Chuva forte atinge São Paulo e deixa 2 mortos e feridos

Uma das vítimas estava sobre uma árvore que foi atingida por um raio na Av. Ragueb Chohfi. Outras três pessoas ficaram feridas na Zona Leste.

A chuva forte que atingiu a capital paulista e região metropolitana entre o final da tarde e início da noite de terça-feira (7) deixou ao menos 2 mortos e 3 feridos, segundo o Corpo de Bombeiros e a Polícia Militar (PM).

Um homem morreu por volta de 20h30 após ser atingido por uma árvore que caiu na Avenida Atlântica, nas proximidades da Represa Guarapiranga, Zona Sul de São Paulo. Segundo os bombeiros, a vítima era um morador de rua que havia se abrigado em uma barraca com uma mulher. Ela saiu ilesa do incidente.

Outro homem morreu em São Mateus, Zona Leste da cidade, após ser atingido por um raio. A vítima e outras três pessoas estavam em um abrigo improvisado sobre uma árvore na Avenida Ragueb Chohfi. Julio Cesar dos Santos, de 26 anos, morreu no local. Os feridos foram socorridos ao Hospital Geral de São Mateus, mas não correm risco de morte.

Somente nesta terça (7), 4.100 raios atingiram a cidade de São Paulo. Na região metropolitana, foram registrados 11.127 raios.

Na noite desta terça-feira (7), o Terminal Varginha, na Zona Sul ficou alagado e os passageiros ficaram ilhados. Os ônibus não conseguiam sair no horário programado e nem chegar e chegaram a atrasar até duas horas.

O temporal deixou mais rastros pela cidade. Uma árvore foi arrancada pela raiz na Alameda Barão de Limeira, derrubou fiação e quase atingiu o poste. O local está sem energia elétrica desde as 19h desta terça.

O taxista Jamil Hassan estava em um dos três carros que foram atingidos pela queda de uma árvore na Barão de Limeira, no Centro. Ele teve ferimentos leves na mão. “É um pavor que você sente, parece que você está sendo soterrado vivo”, relatou ele. Outra árvore atingiu dois carros sobre a Avenida Ipiranga, ninguém se machucou.

As cidades de Francisco Morato e São Bernardo do Campo foram as mais castigadas com a chuva na Grande São Paulo. Foram registrados 88 milímetros e 88 milímetros de chuva respectivamente.

Na capital paulista, as regiões que registraram o maior volume de chuva foram Capela do Socorro, Ipiranga e Parelheiros.

Região do ABC

O temporal desta terça (7) bloqueou por cerca de meia hora a Via Anchieta, um dos principais corredores de ligação do ABC com a capital paulista.

A água do Ribeirão dos Couros transbordou, impedindo o tráfego na Anchieta nos dois sentidos da pista central, entre os km 10 e 13, segundo a Ecovias, concessionária que administra a estrada. O alagamento bloqueou ainda a pista marginal no sentido São Paulo, entre os km 18 e 13.

A chuva também provocou alagamentos em São Caetano do Sul, Diadema e São Bernardo do Campo.

O trânsito ficou congestionado na região até o início da madrugada desta quarta-feira (8).

Grande SP

Na região metropolitana, as cidades de Cotia, Caieiras, Franco da Rocha e Francisco Morato também registraram alagamentos.

Em Caieiras, os moradores ficaram indignados. Um carro tentou passar pelo ponto de alagamento e ficou preso. A chuva provocou um enorme congestionamento na cidade. No Centro de Franco da Rocha, muitas pessoas ficaram ilhadas.

A Linha 12-Safira da CPTM operava na noite de terça (7) com velocidade reduzida por conta de um alagamento que atinge o trecho entre as estações Itaim Paulista e Jardim Romano. A velocidade também estava reduzidana Linha 7-Rubi no trecho da extensão entre as estações Francisco Morato e Botujuru. E, na linha 10-Turquesa, a velocidade estava reduzida em toda a linha.

Na manhã desta quarta (8), as ruas do Centro de Francisco Morato estavam cobertas pela lama, inclusive uma agência bancária.

g1

08/03/2017

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *